“ Eu gosto da palavra “era”. Era dor, era amor, era saudade. Não é mais.
“ Vocês querem saber porque esta história acabou? Por que eu gosto muito de dar ordens. Se as coisas não saem do jeito que eu quero, eu mando aumentar a guitarra, mando abaixar a guitarra, mando fazer isso… Mas isso você não pode fazer, principalmente no amor. Eu nem sei direito o que é o amor. E você não pode ter uma relação de força, de poder, sabe? Tem que ser uma outra coisa. E eu já sofri muito na vida por causa disso, sabia? Tanta gente já foi embora da minha vida por causa disso. Porque eu sou mandão, “com a melhor das intenções”.